Arquivo da tag: Fantástico

Programação do Mercado de Pulgas

O Mercado de Pulgas HQ, realizado pelo site Guia dos Quadrinhos , é um evento onde as pessoas podem negociar quadrinhos novos e raros, mangás, livros, DVDs, brinquedos e outros colecionáveis ligados à Cultura Pop.

Além do espaço destinado a esta atividade, ocorrerão bate-papos com profissionais do mercado de quadrinhos e sessões de quiz-nerd com prêmios, lançamentos e sessão de autógrafos.

Lançamentos

  • Almanaque Rocky Lane nº 3, terceiro volume da revista criada pelo artista ítalo-brasileiro Primaggio Mantovi, com republicação de suas histórias em quadrinhos produzidas na década de 1960. Entre 16:30h e 17:00h, Primaggio autografará a edição, assim como os dois primeiros números do Almanaque e o especial Almanaque Sacarrolha 40 Anos, também criado por ele, com as aventuras em quadrinhos de um dos mais famosos palhaços do Brasil.

primaggio-rocky-lane-revistas

  • Mundo Nerd nº 1, que trata de cinema, seriados de TV e histórias em quadrinhos do gênero ficção científica e fantasia, produzida pela equipe da revista Mundo dos Super-Heróis. Presença do editor Manoel de Souza.

MundoNerd_07082013

  • Bate-papo com Sérgio Figueiredo, diretor da Redação de Licenças da Abril Jovem, onde serão anunciadas – em primeira mão – as estratégias e lançamentos da editora para as comemorações dos 50 anos da revista Tio Patinhas no Brasil.
tio-patinhas-690f8Tio Patinhas completa 50 anos no Brasil

Expositores

Salão A

A1 – Guia dos Quadrinhos: Diversos gibis nacionais e importados da coleção de Edson Diogo.
A2 – Gal Editora (editora): Álbuns da editora com até 50% de desconto. Quadrinhos nacionais e importados da coleção do editor e colecionador Maurício Muniz.
A3 – Sebo Multiverso (loja): Coleções fechadas de mangá; minisséries completa da Abril; HQs da Panini e encadernados importados.
A4 – Devir Livraria (editora): Álbuns da editora com até 50% de descontos; quadrinhos nacionais e importados.
A5 – Wilson Simonetto (colecionador): Revistas Marvel e DC em geral.
A6 – Mundo HQ – Quadrinhos e mangás (loja): Coleções; minisséries; HQs raras e especiais.
A7 – Gustavo Daher (colecionador): quadrinhos nacionais e importados; coleções fechadas.
A8 – Joaquim Procopio (colecionador): quadrinhos nacionais e importados.
A9 – Nerd Attack (loja): Colecionáveis e HQs importadas.
A10 – Balão Editorial (editora): Livros da Balão Editorial e material da coleção pessoal do editor Guilherme Kroll.
A11 – Cesar A.T. Alves (colecionador): Mangás; Manhwas; quadrinhos Marvel, DC e outras editoras; quadrinhos alternativos; quadrinhos infantis; DVDs de animes, filmes e infantis.
A12 – Mundo dos Super-Heróis: Assinatura, edições avulsas da revista, livros e lançamento da revista Mundo Nerd.
A13 – Empório HQ (loja): Quadrinhos nacionais novos.
A14 – Planeta Gibi (loja): Quadrinhos Disney, Turma da Mônica e infanto-juvenis em geral; Marvel e DC da Ebal, Abril e Panini.
A15 – Cantinho dos Gibis (loja)/Top Gibi (loja): Revistas nacionais e importadas, seminovas e usadas; formatinhos (Abril, Bloch, RGE, Ebal), revistas infantis e mangás.
A16 – José Braga – Castelo de Caixas (colecionador): Caixas organizadoras para gibis; álbuns antigos de figurinhas e gibis Abril/Disney.
A17 – Gley Fabiano Xavier (colecionador): Diversas revistas nacionais de heróis; DVDs de desenhos e filmes trash de heróis; Heroclix (Marvel e DC) e bonecos.
A18 – Comic Hunter (loja): Quadrinhos nacionais e importados, novos e antigos.

Salão B

B1 – Avenida 32 (loja): Bolsas e acessórios Nerds.
B2 – Flavio Luiz (cartunista e colecionador): Revistas nacionais e importadas; action figures e “O Cabra”, publicação própria, com preço promocional.
B3 – Givanildo F. Dias (colecionador): Formatinhos da Abril; formatos americanos da Panini e Abril; livros temáticos de aventuras; DVDs e CDs.
B4 – Flash Point (loja): Quadrinhos novos e usados; formatinhos da Abril; games e retrogames.
B5 – Gustavo Pedro de Oliveira (colecionador): Quadrinhos nacionais e importados; raridades das década de 60, 70, 80 e 90; encadernados importados e formatinhos da Abril.
B6 – Castelo do Gibi (loja): Gibis especiais, séries e coleções completas.
B7 – José Carlos (colecionador): Diversos itens da coleção particular: Marvel, DC, Disney, Turma da Mônica, mangás.
B8 – My Little Things (loja): Diversos produtos nacionais e importadas novos e usados.
B9 – Raoni Augusto (colecionador): Diversas revistas da coleção.
B10 – Kauan Vinicius (colecionador e artista plástico): HQs; DVDs; miniaturas colecionáveis (Heroclix, Magiknight e Warcraft) e canecas.
B11 – GrilloHQ.com.br (loja): HQs diversas, Disney, Marvel, DC, semi-novas e antigas e action figures.
B12 – Alfarrábio Catataw (loja): Quadrinhos usados, nacionais e estrangeiros, seminovos e antigos; selos brasileiros e estrangeiros em cartelas; álbuns de figurinha vintage.
B13 – Renato Arlem (colecionador): revistas e encadernados nacionais e importados, novos e usados.
B14 – Pop Arts (loja): Quadrinhos novos e antigos.
 

Mercado de Pulgas mapa_expositores

O que: 6º Mercado de Pulgas HQ

Quando: 17 de agosto das 10:00 às 20:00 horas

Onde: Associação Beneficente Osaka Naniwa Kai

Rua Domingos de Moraes, 1581
Vila Mariana, a 200 metros do metrô
São Paulo- SP

Quanto: R$ 5,00 (meia-entrada)

Não pagam ingresso visitantes fantasiados como personagens de quadrinhos ou da ficção científica e crianças até 10 anos.

Quem:

Realização: Guia dos Quadrinhos 
Patrocínio: Planeta Gibi 
Apoio cultural: Gal Editora e Mundo dos Super-Heróis 
Anúncios

Les Enchantées prorroga prazos

lesen

Les Enchantées – uma coletânea de contos com temática lésbica, aberta a autores de todas as matizes do arco-iris – está aberta para recepção de originais.

A data limite é 31 de agosto.

Guidelines

Esqueça tudo o que achava saber sobre mulheres até hoje. Esqueça estereótipos, dispa-se de pré-conceitos e redescubra um universo que sempre esteve aqui, e muitos escolheram não ver. O universo das filhas de Safo, as lésbicas.
Initial rough concept sketch of Princess Leia

Initial rough concept sketch of Princess Leia (Photo credit: Wikipedia)

Graças ao cinema, TV e, claro, a homens que devoram milhares e milhares de revistas de entretenimento adulto, ao se ouvir o termo lésbicas, o imaginário popular – em grande parte, masculino – converte a palavra em imagens sensuais ou até pornográficas de mulheres voluptuosas protagonizando (exageradamente) cenas de insinuação e mesmo de sexo explícito quase sempre com um terceiro participante ou espectador, do sexo masculino. E quando não pensam nessas mulheres-objeto, a palavra se converte em uma imagem ainda mais cristalizada no imaginário popular, as mulheres que são carinhosamente chamadas por: sapatão, caminhoneira, sapata, maria-macho, entre tantos outros nomes, simplesmente por se vestirem e se comportarem como se sentem mais confortáveis. Isso porque a homossexualidade feminina divide opiniões até hoje, entre os que são explicitamente contra, os que aceitam como fetiche, mas jamais desejariam ter alguém na família que fosse, e os que respeitam, aceitando ou não.

Mas claro, seria injusto dizer que todos os homens e mulheres pensam que se trata apenas de um fetiche ou de uma abominação. Entre homens e mulheres, homossexuais, heterossexuais, bissexuais, transexuais e pansexuais, existem aqueles que enxergam além dos rótulos, das classes sociais, da etnia, do credo e mesmo da cultura, e conseguem vislumbrar a pureza, a magia, a sedução, o amor e a singularidade dessas relações, tão naturais e belas quanto qualquer outra, em qualquer dimensão.

É por isso que te propomos a dar voz a cada uma delas. Mulheres estas, encantadoras e encantadas, nas mais diversas idades, classes sociais, profissões, reais ou imaginárias: mães, filhas, irmãs, tias, amigas, avós, belas vampiras, policiais, assassinas, estudantes, ninfas, bruxas, fadas, deusas, anjos, demônios, loucas, lobas, enfermeiras, professoras, donas-de-casa, guerreiras, cientistas, soldados, entre tantas outras, que só estão esperando você para contar suas mais variadas histórias.

Sobre a antologia:

• Antologia aberta para participação de homens e mulheres.

• O livro contará com 9 autores, sendo 6 deles escolhidos pelo critério de seleção da organização da coletânea.

• Serão aceitos contos com qualidade literária e criativa de ficção fantástica, ficção policial, horror, sobrenatural, suspense, comédia, romântico, realista, erótico (sem termos vulgares e, com discernimento da diferença entre erotismo e pornografia), chick-lit, drama, ficção científica, bem como seus subgêneros: steampunk, dieselpunk, cyberpunk, soft, hard e weird, etc.

• Buscamos receber textos apenas em Língua Portuguesa, em fonte Times New Roman 12, parágrafo justificado. As submissões devem ser feitas para o e-mail antologiales@gmail.com com o assunto [ANTOLOGIA LES ENCHANTÉES], com anexo no formato .DOC ou .RTF. O autor pode enviar quantos contos preferir, mas em submissões separadas e apenas um será selecionado. Em caso de mais de um conto passar na seleção, entraremos em contato com o autor para que ele decida qual prefere. Confirmaremos o recebimento de todos os textos.

• Tamanho: Desejamos receber trabalhos de 12.000 a 25.000 caracteres com espaços, porém textos fora desses intervalos serão analisados e, se possuírem qualidade literária e se enquadrarem na proposta da coletânea, será considerada a apreciação dos mesmos, embora haja preferência por textos dentro do intervalo proposto.

• Deadline: 31 de Agosto de 2013.

Mais informações? Leia o Regulamento e participe!

Acompanhe também o blog, aqui.

Programação Cultural das Bibliotecas de São Paulo – Junho 2013

cabecalho_programacao_verde musgo
capa agendinhaJá está disponível a Agenda do mês de junho!

Exposição

Faces da África
Na África, as máscaras são conhecidas pela riqueza de sua arte e são maioria dominante nas artes visuais, sendo encontradas por todo o continente. Nessa exposição, os artistas/educadores Débora Paneque Nogueira e Wellington Rui da Silva apresentam as Máscaras Africanas, contemplando suas três grandes tendências: máscaras zoomórficas, antropomórficas e antropozoomórficas, confeccionadas na técnica de papietagem.
De 1 a 16 de junho
2ª a 6ª feira, das 10h às 19h
Aos sábado, das 9h às 16h
BP Paulo Duarte e Acervo da Memória e do Viver Afrobrasileiro

Abra-te cérebro - Cia Miolo 3

Teatro

Abra-te Cérebro
Com Cia do Miolo
Sobre uma moto, duas velhinhas percorrem diferentes gerações a procura de grandes invenções da humanidade. A mais velha, Laurinda, é uma cientista que vive inventando novos usos para as coisas conhecidas. Já Vivi, a mais nova, é uma geógrafa sonhadora, vaidosa e atrapalhada.50 min. Livre
5 de junho (qua), 14h30 – BIJ Monteiro Lobato

Oficina

Introdução às Flautas Andinas
Com Ademar Farinha
A oficina busca sensibilizar os participantes para o conhecimento da diversidade cultural dos países da América do Sul e sua interação com a cultura brasileira. A partir da música e do aprendizado das flautas, os alunos irão conhecer os ritmos, o folclore, tradições e manifestações populares de outros povos latino-americanos. Faixa etária de 12 a 18 anos.
5 de junho (qua), 14h – BP Adelpha Figueiredo

Saraus

LITERATURA PERIFÉRICA: VEIA E VENTANIA NAS BIBLIOTECAS DE SÃO PAULO
A Coordenadoria do Sistema de Bibliotecas convida alguns dos saraus mais reconhecidos da cidade para atividades nas Bibliotecas Públicas. Venha assistir e participar.

sarau
  • Sarau Marginaliaria
  • Sarau dos Mesquiteiros
  • Sarau Arte Maloqueira
  • Sarau Poesia Maloqueirista
  • Sarau do Binho
  • Sarau da Brasa
  • Sarau Encontro de Utopias
  • Sarau di Favela
  • Sarau Elo da Corrente

Confira a data e o horário das programações

Cinema

rango

Sessão infantil

Rango. Livre.
1º de junho (sáb), 16h
BP Roberto Santos

Mary Poppins. Livre.
2 de junho (dom), 16h
BP Viriato Corrêa

A origem dos guardiões. Livre.
4 de junho (ter), 15h
BIJ Monteiro Lobato

viagem_a_italia 3

Cinema à italiana

Viagem à Itália. Livre.
2 de junho (dom), 16h

Amarcord. +14
2 de junho (dom), 18h
BP Roberto Santos

A Hora e a Vez do Vestibular

No projeto “A Hora e a Vez do Vestibular”, as Bibliotecas Públicas recebem professores de cursinhos, que analisam e discutem as obras da literatura brasileira exigidas nos principais vestibulares de São Paulo.
Acesse a programação completa e participe!

Mil e Uma Noites – Clássico da Cultura Árabe

mileuma

O livro As Mil e uma noites é fundamental a todos que desejam ser contadores de histórias ou mesmo para quem deseja simplesmente algumas horas de puro encantamento. Aventura, erotismo, magia e o fantástico compõe estas histórias milenares.

Traduzidas diretamente do árabe, por Mamede Mustafá Jarouche, professor de Cultura Árabe na USP, este pacote contém além dos textos, vários artigos acadêmicos que buscam esclarecer aspectos culturais e linguísticos desta importante obra.

Nerd Shop:

Box com quatro volumes de As Mil e uma noites. Editora Biblioteca Azul. Com desconto de 50% na Livraria Cultura por tempo limitado.

Dez motivos pelos quais você deveria ler todos os dias

Muitos estudantes, cujo primeiro contato com a leitura foi um livro chato, obrigado pelo programa de ensino, reclamam da obrigatoriedade da leitura. Pensando nestes insatisfeitos, o site Universia Brasil, voltado à troca de informações entre estudantes universitários, elenca os dez motivos pelos quais devemos ler todos os dias, segundo especialistas.

Eis a lista:
1. Estímulo mental

Se vamos à academia para “malhar” o corpo, que tal ir a uma biblioteca pra exercitar o cérebro? Ele também  necessita treinamento para se manter forte e saudável e a leitura é uma ótima maneira de estimular a mente e mantê-la ativa.

2. Redução do estresse

Nosso ancestrais vivam em ambientes hostis onde tinha que caçar ou evitar de ser caça e as duas únicas estratégias eram atacar ou fugir. Os nossos problemas do dia a dia, embora forcem nosso corpo a se preparar para um resposta desse tipo, raramente podem ser resolvidos com atacar ou fugir (o que lhe aconteceria se você pulasse no pescoço do seu chefe?). Livros de fantasia inserem você em uma nova história diferente da sua, e isso faz com que os níveis de estresse que você viveu no dia sejam diminuídos radicalmente. Uma história bem escrita pode transportá-lo para uma nova realidade, o que vai distraí-lo dos problemas do momento.

3. Aumento do conhecimento

Ao ler um livro, as informações nele contidas são armazenadas pelo seu cérebro e arquivadas. Mesmo que elas não sejam de uso imediato, em algum momento elas poderão ajudá-lo, como em uma entrevista de emprego.

4. Expansão de vocabulário

Mesmo que você não vá ao dicionário a cada nova palavra que você tropeça num texto, o seu cérebro é capaz de contextualizar e apreender o significado de uma nova palavra. Quem lê muito normalmente tem um vocabulário maior do quem lê pouco.

5. Desenvolvimento da memória

Para avançar na leitura de um livro, você tem que lembrar dos personagens, do contexto onde estão inseridos e do enredo. Com certeza, isso é um exercício excelente para sua memória.

6. Habilidade de pensamento crítico

Se você lê livros policiais já deve ter percebido que após algum tempo você se torna capaz de desvendar o mistério antes do fim do livro. Isso demonstra a habilidade de estabelecer conexões, que pode ser obtida por meio da leitura. E não está só restrita  a livros de mistério. Você pode ler sobre a economia da Grécia antiga e ter alguma ideia para melhorar seu orçamento doméstico. O sobre a organização de navios piratas e descobrir uma forma de motivar seus funcionários (que não seja fazê-los andar pela prancha…)

7. Aumento de foco e concentração

Num mundo onde sua atenção é solicitada a se desviar a cada segundo (inclusive pelas suas opções de lazer), colocar o foco em um assunto só é um verdadeiro desafio. Livros interessantes e com histórias envolventes podem fazê-lo se desligar do mundo ao redor, direcionando sua atenção inteiramente para o que acontece na trama. Embora você não perceba, esse tipo de exercício o ajuda a se concentrar em outras ocasiões, como quando precisa finalizar um projeto urgente.

8. Habilidades de escrita

Quem lê normalmente tem uma escrita melhor, não só pelo aumento do vocabulário, como com frases melhor construídas e textos mais coerentes.

9. Tranquilidade

Se reduzimos o nosso estresse ao ler, os livros são uma ótima maneira de  alcançar paz interior e até melhorar seu humor.

10. Entretenimento a baixo custo

Um dos lugaras comuns sobre o livros é que eles nos fazem viajar. Aí está uma viagem de baixo custo! Com um livro somos levados a outra galáxia sem sair de casa.

No ar 79ª Leva da Revista Cultural Diversos Afins

 

No ar a 79ª Leva da Revista Diversos Afins traz:

– contos de Andréia Carvalho, Jacques Fux e Yara Camillo

– desenhos de Bárbara Damas

– poemas de Virgínia do Carmo, Demetrios Galvão, Stefanni Marion,Fabiana Turci e Ronaldo Cagiano

– uma entrevista com o poeta Heitor Brasileiro Filho

– resenha do filme dinamarquês “A Caça” , por Guilherme Preger

– resenha do romance Carta a D. de André Gorz, por Sérgio Tavares

 

 

 

 

Viagem no tempo – dois dias em mergulhado no Universo Steampunk

SteamCon 2013 – Steamers caracterizados para o evento 
(tirado do perfil do Capitão Escarlate no facebook)
Nos dias 26 e 27 de Janeiro aconteceu o SteamCon 2013 em Paranapiacaba, São Paulo. Durante estes dois dias, forma realizadas várias atividades relativas ao universo Steampunk, num cenário extremamente apropriado, com direito a fog, uma neblina tão espessa que penetrava nos aposentos pelas janelas e portas, casas do século XIX, de arquitetura inglesa da época, preservadas como testemunho deste período histórico.
Embora eu tenha crescido lendo Julio Verne, Sherlock Holmes e H. G. Wells , vendo o seriado James West e seja fã e escritor de ficção científica, meu envolvimento com o gênero é recente, me aproximando mais para ampliar meu leque de opções de temas. No início nem pensava em criar caracterizações ou usar qualquer adereço do gênero. O envolver com as pessoas me fez encantar de vez pelo Steampunk.
São as pessoas, na pele ou não de um personagem, que me levaram para dentro deste universo. Diversidade, respeito ao outro, postura não elitista e ausência de preconceitos foi o que encontrei entre os steamers.
Começando pelos organizadores do evento, Candido, Adriana e Fernão, que foram eficientes e conduziram o evento maravilhosamente, dentro do possível e só não foram melhores por ser este o primeiro evento deste porte que conduziram. E eles não teriam conseguido sem ajuda dos “foguistas”, Bruna, Ariadne, Absonos e Fiori, Jesse e seu tímido namorado; dos palestrantes Gian e Capitão Escarlate; dos oficineiros, Robson (desenho) e Dimas (esgrima histórica); do Mago Steam e do Tarólogo Steam.
Havia ainda a turma simpática de Campinas, Mái, Nina, Mordida (que me adotou como pai), Dimas e Fox.
Por fim a turma do Pic Nic Vitoriano, que fechou o evento.
Todas estas pessoas (e mais algumas, não consegui lembrar o nome de todo mundo) compuseram um panorama humano excelente. Um grande abraço a todos eles!
%d blogueiros gostam disto: